sábado, 21 de março de 2009

O 'Artista' que matou um cão à fome vai repetir o acto em 2009 - Ou NÃO! Assinem a Petição s.f.f.

Esta petição corre pelos mails acompanhada de fotos de arrepiar.

Publica-se apenas esta por mostrar que tão execrável foi o suposto artista como o público que ficou indiferente.

Como muitos devem saber e até ter protestado, em 2007, Guillermo Vargas Habacuc, um suposto artista, colheu um cão abandonado de rua, atou-o a uma corda curtíssima na parede de uma galeria de arte e ali o deixou, a morrer lentamente de fome e sede.

Durante vários dias, tanto o autor de semelhante crueldade, como os visitantes da galeria de arte presenciaram impassíveis à agonia do pobre animal.

Até que finalmente morreu de inanição, seguramente depois de ter passado por um doloroso, absurdo e incompreensível calvário.

Pois isso não é tudo: a prestigiosa Bienal Centroamericana de Arte decidiu, incompreensivelmente, que a selvajaria que acabava de ser cometida por tal sujeito era arte, e deste modo tão incompreensível Guillermo Vargas Habacuc foi convidado a repetir a sua cruel acção na dita Bienal em 2009.
Facto que podemos tentar impedir, colaborando com a assinatura nesta petição :
.

http://www.petitiononline.com/13031953/petition.html

4 comentários:

Adélia Rocha disse...

A estupidez, de facto, não tem limites! Arte!! Vale tudo em nome da "Arte". Esse homem não é um artista, é um demente cruel e sádico!

Reverendo Bonifácio disse...

Já deixei a minha opinião sobre o que deviam fazer a esse animal (o que prendeu o cão) nas "manufacturas". Não há pachora para tanta estupidez!

Anabela Magalhães disse...

Vergonha, não é Bugs?.

Maria Janeca disse...

Que agoniada e revoltada fiquei ! Eu já assinei. Divulgar estas infamias também é educação e cultura. Parabéns pelo vosso Blog!