sábado, 25 de abril de 2009

Parece impossível


É de se ficar estarrecido com a ignorância patente no vídeo…


Razão tinha o Brecht:


"Não há pior analfabeto que o analfabeto político. Ele não ouve, não fala, nem participa dos acontecimentos políticos. O analfabeto político é tão burro que se orgulha de o ser e, de peito feito, diz que detesta a política. Não sabe, o imbecil, que da sua ignorância política é que nasce a prostituta, o menor abandonado, e o pior de todos os bandidos que é o político vigarista, desonesto, o corrupto e lacaio dos exploradores do povo."

Bertolt Brecht (1898-1956)

e o Eça:


"ORDINARIAMENTE, todos os ministros são inteligentes, escrevem bem, discursam com cortesia e pura dicção, vão a faustosas inaugurações e são excelentes convivas. Porém, são nulos a resolver crises. Não têm a austeridade, nem a concepção, nem o instinto político, nem a experiência que faz o ESTADISTA. É assim que há muito tempo, em Portugal, são regidos os destinos políticos. Política de acaso, política de compadrio, política de expediente. País governado ao acaso, governado por vaidade e interesses, por especulação e corrupção, por privilégio e influência de camarilha, será possível conservar a sua independência?"


Eça de Queirós, 1867, in "O Distrito de Évora".




video

5 comentários:

didium disse...

SANTA IGNORÂNCIA!!!!!!!
E viva Portugal, e viva os Portugueses!!!!

TVstar disse...

Meu Deus!!
Como é possível!! É caso para perguntar,(já que mais não seja) esta gente não andou na escola?
Para quê tantos programas curriculares tão ambiciosos,se ao fim e ao cabo as pessoas não retêm nada nas cabeças?! Nem sequer o passado recente do seu próprio País?!

Romicas disse...

E isto é uma ínfima amostra do nosso povo...

Adélia Rocha disse...

O problema é que de certo andou na escola...!! E a culpa é dos professores!! Claro. Os professores são os mordomos do novo milénio!

TVstar disse...

Olá Romicas!!!
Bem vinda grande amiga!!Tudo bem contigo? Aparece aqui no nosso jardim mais vezes.
Beijocas!!